Sonya Azevedo
Essência em versos e prosas
CapaCapa TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books PerfilPerfil Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato
Textos



Grata Ricardo por me permitir esse mimo e pela magnífica interação.
Só aplausos!


A ARTE LIBERTADORA
(Poeta Carioca)

A dita liberdade em plenitude
Dispõe aos nossos olhos o horizonte,
Seus versos vão além de Auguste Comte
No íntimo de seus versos de altitude!

É neste aspecto tão vital, transformas
O simples numa lâmpada especial
A iluminar mais que superficial
Com arte natural nas lindas formas!

Por esta tela a escrita tão divina
As conciências invade como um canto
Levando às almas o calor de um manto

Na solidariedade que culmina...
E eis o desconhecido desse encanto
Libertador como um remédio santo!

Em 22/08/2017

Agradeço ao Miguel Jacó, sua excelente interação e comentário.
Sempre muito bem vindo.


O SONETO TEM REGRAS DEFINIDAS
(Miguel Jacó)

O soneto tem regras definidas imutáveis
Pode ser alexandrino ou inglês nos obriga
A observarmos sua métrica inflexível a rigor
Constatamos relaxamentos consideráveis.

Bons sonetistas vacilam quanto às sílabas
Muitas vezes se descuidam também da rima
Todos preservam aos quatorze versos
Pois esta premissa se burlada o desatina.

Eu sou afeito a qualquer dos dois modelos
Tramito bem nestas condições pré definidas
Acho charmosa as determinantes instituídas.

A minha poesia se define no primeiro verso
Será soneto rondel cordel indriso ou prosa
Além de trova acróstico poema livre adequo.

Em 23/08/2017

Boa tarde Sonya, parabéns pelo vosso incisivo soneto
e minhas reverências a majestosa interação do poeta Carioca,
saliento ainda que não faço uma crítica neste meu escrito,
apenas surfo no mesmo espírito que vocês navegaram
com tamanha primazia, um abraço para ambos. MJ

 
Sonya Azevedo
Enviado por Sonya Azevedo em 22/08/2017
Alterado em 23/08/2017

Música: PASSERÁ - RENATO RUSSO (VERSÃO PIANO)

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários