Sonya Azevedo
Essência em versos e prosas
Capa Textos Áudios E-books Perfil Livro de Visitas Contato
Textos

 

Meus Blogs

Jacintos da Alma

Nascentes de Luz

 

Bom dia,

Desejo a todos os amigos,

um feliz e abençoado dia dos Pais.

Àqueles que ainda os têm a seu lado,

que aproveitem bem a sua companhia.

Àqueles cuja ausência se faz presente,

um dia de muitas orações e ternas saudades.

Que Deus coloque Sua mão em nossos corações

e nos dê um dia de muita paz!

 

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

 

Agradeço aos amigos que por aqui deixam suas inspirações.

Muita luz e paz.

 

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

 

Anninha querida, sinto-me lisonjeada com sua presença.

Muito grata.

 

Noite Estelar

(Anna Lúcia Gadelha)

 

Encontrei a luz dos olhos teus

Em uma maravilhosa noite estelar

Fiquei emudecido ao te comtemplar

Tive a sensação de que era Zeus.

 

Entreguei-me naquela madrugada

Fizeste-me uma mulher ditosa

Ao teu lado eu era venturosa

A lua estava sempre prateada.

 

Hoje a saudade dói no meu coração

Sinto aflição sem tua presença

Onde anda a nossa benquerença

Afundou-se no mar dessa solidão.

 

A saudade doi na minh' alma

Relembrar-te é o que me acalma.

 

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

 

Solano Brum

SONETO (I)

 

Meus olhos estão perdidos pelos olhos dela...

A caminhar me perco vendo os meus perdidos!

- Para que me serve o que o sonho me revela

Estando eu sem noção dos meus sentidos!

 

Os olhos são lúcidos, convidativos, atrevidos

Mas, me submetem a exigênccia da cautela.

Por todo o tempo dos meus tempos já vividos,

Jamais vi, tão belos olhos quanto os dela!

 

E vendo-me envolvido nos elos das querelas,

Entre as cores do caleidoscópio flamejante,

Tateio, inocente, no que me parece escuridão...

 

Ah! Que delirante sou! - Quanta fascinação!

A refulgência ao meu olhar a cada instante

Vem (Oh Deus! Como crer?) de duas estrelas!

 

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

 

Poeta Olavo

 

O seu olhar nunca falou

Porque olhar não tem voz

Mas quando a mim chegou

Senti o amor entre nós.

 

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

 

HLuna

 

Nebulosas não as quero,

Eu afirmo aqui bem claro.

Meu desejo mais sincero,

Beijar-te é o mau amparo.

 

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

 

Poeta Olavo

 

O seu olhar foi o caminho

Que encontrei pra chegar

Mais perto do seu carinho

Mais perto de te amar.

 

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

 

Jacó Filho

 

Transcendente

 

Nada enxergo sem o teu olhar,

Não importa que estejas ausente

Sinto poder de me transmutar

Recebendo essa luz transcendente

Que teus olhos são portais

Para radiações transversais

Quando minha alma chamar

Se de saudade doente

Nada enxergo sem o teu olhar,

Não importa que estejas ausente.

 

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

 

Humberto Cláudio

 

Teus olhos

 

Teus olhos têm a magia

Das noites de lua cheia

Quando a maré vem, bravia,

Lamber vestígios n' areia

Do amor de tantos amantes...

Teus olhos tem a magia

E a sedução dos diamantes.

 

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

Sonya Azevedo
Enviado por Sonya Azevedo em 14/08/2022
Alterado em 24/08/2022
Copyright © 2022. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Comentários